cpa

Sua opinião é muito importante!

A CPA foi instituída em todas as entidades de ensino superior do país através da Lei 10.861 de 4 de Abril de 2004, com o intuito de realizar autoavaliações para o aprimoramento das mesmas. Esta comissão é constituída de coordenadores, professores, alunos e funcionários, além de representantes da sociedade civil.

Na ESUDA a CPA se reúne mensalmente com o intuito de elaborar planos de ação, questionários e relatórios, além de realizar análises dos resultados das avaliações para propor melhorias à instituição.

A ESUDA realiza uma avaliações de docentes a cada semestre, respondida pelos alunos, e uma avaliação institucional anual, da qual participam todos os segmentos da instituição – alunos, professores e funcionários.

Anualmente a CPA elabora um relatório que é encaminhado ao MEC- Ministério da Educação e Cultura - e este é considerado na avaliação que o MEC realiza em cada instituição e em seus cursos, atribuindo nota aos mesmos.

A participação de todos os alunos, professores e funcionários nessas avaliações é de grande importância. Respondendo de forma consciente e construtiva, com seriedade e respeito, você contribuirá para o aprimoramento da instituição e para a representação de quem somos verdadeiramente diante da sociedade e do MEC.

As avaliações são disponibilizadas no site ESUDA, quando no período de realização, e os envolvidos, através da sua senha, têm acesso para respondê-las. São realizadas avaliações semestrais dos docentes e uma avaliação institucional anualmente (segundo semestre).

A avaliação docente* é respondida pelos alunos e visa contribuir com os professores no seu aprimoramento em sala de aula. As avaliações são anônimas e o professor recebe um relatório de como foi avaliado.

A avaliação institucional* é respondida por alunos, professores e funcionários e abrange aspectos diversos como:
  • a missão e o plano de desenvolvimento institucional;
  • a política para o ensino, a pesquisa, a pós-graduação, a extensão e as respectivas formas de operacionalização, incluídos os procedimentos para estímulo à produção acadêmica, as bolsas de pesquisa, de monitoria e demais modalidades;
  • a responsabilidade social da instituição, considerada especialmente no que se refere à sua contribuição em relação à inclusão social, ao desenvolvimento econômico e social, à defesa do meio ambiente, da memória cultural, da produção artística e do patrimônio cultural;
  • a comunicação com a sociedade;
  • as políticas de pessoal, as carreiras do corpo docente e do corpo técnico-administrativo, seu aperfeiçoamento, desenvolvimento profissional e suas condições de trabalho;
  • organização e gestão da instituição, especialmente o funcionamento e representatividade dos colegiados, sua independência e autonomia na relação com a mantenedora, e a participação dos segmentos da comunidade universitária nos processos decisórios;
  • infraestrutura física, especialmente a de ensino e de pesquisa, biblioteca, recursos de informação e comunicação;
  • planejamento e avaliação, especialmente os processos, resultados e eficácia da auto-avaliação institucional;
  • políticas de atendimento aos estudantes;
  • sustentabilidade financeira, tendo em vista o significado social da continuidade dos compromissos na oferta da educação superior.

Os dados da avaliação são analisados e servem de insumos para as ações de melhoria da instituição. A gestão se utiliza dessas avaliações para o seu planejamento anual, priorizando os aspectos ressaltados pela maioria.

No sentido de retroalimentar o processo avaliativo, a cada ano são apresentadas as ações da ESUDA geradas pelas avaliações, para que todos os segmentos que dela participam possam conferir e confirmar a importância da mesma no processo de aprimoramento do fazer universitário. Você poderá verificar que a sua voz tem vez na ESUDA.

Anualmente é realizado um relatório das avaliações que é enviado ao MEC e que é utilizado por aquele órgão na sua avaliação da ESUDA e dos cursos por ela oferecidos. Assim, as avaliações devem ser respondidas com cuidado, de forma criteriosa, para que retratem com realismo o que é a ESUDA do ponto de vista de todos os segmentos que a compõem.

  • Betânia Maciel de Araújo - Coordenadora da Comissão Própria de Avaliação
  • Célio Roberto Isidio de Oliveira - Representante dos Coordenadores de Curso
  • Edvaldo José Pereira Gomes Júnior - Representante da Sociedade Civil Organizada
  • Lilian Cibely de Oliveira - Representante do Corpo Discente
  • Silvia Regina Félix de Oliveira - Representante do Corpo Docente
  • Silvigélia Cristina Santana Guimarães - Representante do Corpo-Técnico Administrativo